Skip to main content
Doenças Venéreas Masculinas (Homem)

Doenças Venéreas Masculinas

Colocada entre as mais comuns do mundo, as Doenças Venéreas Masculinas atingem grande parte dos homens que são sexualmente ativos.

Como ninguém esta imune, deve-se sempre praticar o ato sexual com proteção, sendo a melhor maneira de evitar a contaminação.

Apesar de poder afetar ambos os sexos, existem aquelas doenças capazes de atingir apenas o sexo masculino.

Para saber mais sobre as doenças venéreas masculinas continue lendo as informações a seguir.

Candidíase

Candidíase Doença Venérea Masculina

Considerada bastante comum, é uma doença causada pelo fungo Candida albicans.

Costuma causar uma intensa coceira, dores fortes, acompanhadas de vermelhidão no pênis do homem que a possui.

Geralmente, por ser uma doença que se contrai no ato sexual, associa-se apenas aos órgãos genitais.

Porém, como o ato sexual não pode ser resumido apenas à penetração, também é possível contrair Candidíase no sexo oral sem proteção, onde o fungo desenvolve-se na boca do paciente.

Isso pode acarretar em sintomas como dor de garganta e presença de placas esbranquiçadas em toda a região bucal, responsáveis pelo desenvolvimento de mau hálito.

HPV (Human Papilomavirus)

HPV Doença Venérea Masculina Fotos

Apesar de ser mais conhecida por atingir mulheres, pode ser bastante presente nos homens que não fazem uso de proteção.

É caracterizada pelo aparecimento de verrugas na região do pênis, ânus e testículos.

As vezes essas verrugas podem não ser notadas, porém são suficientes para a contaminação.

E, em casos de sexo oral também sem proteção, pode apresentar sintomas na boca e garganta após o contato com o(a) parceiro(a) contaminado(a).

Herpes Genital

Herpes Genital Doença Venérea Masculina

Com sintomas muito parecidos com a Herpes Genital feminino, nos homens pode surgir com os seguintes sintomas:

  • coceira;
  • dor ao urinar;
  • febre;
  • surgimento de pequenas bolhas.

A herpes não possui cura, podendo aparecer diversas vezes, de acordo com a diminuição da resistência da imunidade corporal.

O surgimento das bolhas na primeira manifestação da doença costuma ser mais intenso e, nas outras, vem de forma mais amena.

Mesmo que o paciente portador esteja sem a infecção aparente, a transmissão pode ocorrer caso seja praticado sexo sem proteção.

Sífilis

Sífilis Doença Venérea Masculina

Por ser dividido em vários estágios, seus sintomas podem depender de qual deles a doença se encontra.

É considerada como uma infecção perigosa, pois em alguns casos, pode apresentar sinais da primeira infecção, pode demorar anos até reaparecer, dando a impressão de que já foi curada.

Geralmente inicia-se no homem com feridas, denominadas cancros, na região genital, que são indolores.

Alguns dias depois, pode ocorrer o desaparecimento dessas feridas, mesmo que não seja feito o tratamento.

Após isso, os sintomas podem reaparecer de maneira mais intensa, causando dor no corpo, febre, caroços do pescoço e vermelhidão na pele.

Gonorréia

Gonorréia Doença Venérea Masculina

Podendo aparecer depois de alguns dias do ato sexual sem proteção, a doença pode apresentar sintomas bem desconfortáveis.

Dentre esses sinais, podemos incluir uma forte dor ao urinar, o surgimento de febre no paciente e corrimento com a presença de pus, no pênis.

Se faz presente também nas relações oral e anal, causando inflamação nas regiões.

Veja mais

A presença de qualquer sintoma de Doenças Venéreas Masculinas deve ser considerado um sinal de que esta na hora de visitar o seu urologista.

Fazer o acompanhamento de rotina e manter a higiene intima em dia também são jeitos de se prevenir doenças.

Como o médico vai diagnosticar a presença de alguma Doença Venérea Masculina?

Ao consultar o medico e o paciente lhe dizer o que esta sentindo, vão surgir uma série de perguntas que vão ajudar o profissional a chegar em um diagnóstico provável.

Após o exame físico, geralmente são pedidas amostras sanguíneas para que seja certificado de que foram contraídas alguma doença venérea.

2 comentários em “Doenças Venéreas Masculinas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *